cafe

O café nos causa alguns benefícios, entre eles a diminuição do risco de diabetes tipo II, mal de Alzheimer e de Parkison, mas a grande novidade é que o café também pode REDUZIR o risco de danos no fígado causados pelo álcool.

Cientistas da Universidade de Southampton no Reino Unido, fizeram um estudo no qual agruparam resultados de nove estudos anteriores que verificaram o efeito do consumo de cafeína na incidência de cirrose hepática.

Foram feitos estudos com 432.133 participantes e demonstraram que o café em um efeito protetor significativo. Segundo a análise o consumo de duas xícaras a mais de café por dia, diminui o risco de cirrose hepática à metade, incluindo a cirrose alcoólica.

O consumo do café ainda reduz em 50% a taxa de mortalidade por causa de cirrose.

Verificou-se que o risco de cirrose hepática diminui conforme você aumenta o consumo do café, de modo que, restou comprovado que se a pessoa consumir 4 xícaras por dia, o risco da cirrose hepática diminui em extraordinários 65%.

Todavia, pela composição química do café é difícil dizer exatamente como a cafeína está protegendo o fígado.

Nota do Amon: O que o texto diz é que não é porque você vai consumir café que pode achar que tem um salvo conduto para beber e não adquirir cirrose, pois o consumo em excesso de café também pode ser prejudicial. Então, saiba dosar o café e a bebida, consuma ambos com moderação.

Fonte: Gizmodo

5Pwvquvp